Vinni - SPaulo - SJRPreto - Nov 2008


IDA



7 de novembro de 2008, 19 horas e 50 minutos: Aprontando a mala e o espírito


 
Estou em casa esperando a chuva diminuir e arrumando a bag de forma lenta e pensativa, afinal seriam quase 1000km em um final de semana, sendo que uma perna seria à noite.( Ok, pra quem já fez Iron Butt isso é peanuts, pero como soy yo ...hehe)
 
Tudo isso com o espírito livre para comemorar o 5º ano SMC e ajudar minha mãe, logo se o fato é unir o útil ao agradável, why not ?!
 
Em conversa no msn com nosso irmão Guga, externo minhas preocupações e o mesmo bola um roteiro infalível contra pane seca e postos de gasolina confiáveis, conforme abaixo:


 
1ª perna: SP à início da SP-310 W. Luiz, posto Grall (140 km)
2ª perna: SP-310 W. Luiz, posto Graal à São Carlos, Posto Rubi Graal (78 km)
3ª perna: São Carlos, Posto Rubi Graal à Posto 268 Araraquara (49 km)
4ª perna: Posto 268 Araraquara à Posto Quatrocentão Catanduva (132 km)
5ª perna: Posto Quatrocentão Catanduva à São José do Rio Preto (38 km)


 
Além de dúvidas e troca de experiências que o nosso FGump tem de sobra, agradecimento especial ao Guga ...valeu irmão ...
 
Uma das minhas definições até pra manter uma regularidade foi o de não ultrapassar 140km/h, a fim de calcular o consumo em uma velocidade limite, enfim ...
 
Saio de casa devidamente paramentado, há tempos não usava minha bota cano longo e me preparava tanto para o frio e chuva, alguns me conhecem e sabem como gosto de viajar, é vento na cara !!!! Mas diante das previsões pessimistas e de que o que me esperava não era nada animador em relação ao tempo de estrada, fui “armado”: Bota cano longo, mijão, meia, calça jeans e capa de chuva calça, Camiseta Manga longa SMCDBJ, capa de chuva, jaqueta HD e colete. Pescoceira SMC, óculos com visão noturna (HD) e capacete águia by shad, by Pavão.
NR: Os equipamentos HDs foram presentes...ehhehe
 
As bolsas Vinie devidamente alocadas na moto e com suas respectivas capas protegendo, peso extra para um capacete by Banana e duas mochilas empacotadas (encomenda) para o evento


 
7 de novembro de 2008, 23 horas e 00 minutos: Partida, destino – São José do Rio Preto 435km de SP


 
Após garantir a Podium no tanque da Lost e a devida calibragem, parto rumo a São José do Rio Preto, via Bandeirantes, debaixo de uma garoa que logo se transforma em chuva e não bastava a chuva, o movimento de carros e caminhões na Bandeirantes estava loko, parece que todos deixaram pra sair de casa nesse horário, enfim ...
 
Nem 5 km e o ipod vai pro saco ....cacete, pensei .... vou escutar meus pensamentos daqui até SJRio Preto ?!!? céus ....vambora ....
 
Primeiros kms se assentando e logo vem o primeiro problema, com rabo de olho percebo que a capa da bolsa direita foi pro saco !!! falei fudeo ,..
 
Paro no posto Frango assado e percebo que ela ficou presa na aranha ....ufa ... arrumo com uma qualidade melhor e back to route...
 
Bandeirantes, chuva diminuindo, passo Campinas, movimento cai ... e toco de boa ....já com as dicas do Guga, pensando nas paradas, KMs virando .... e a Lost completa 22k na estrada, parabéns Lost ....
 
Antes da entrada da Nova Bandeirantes, uma placa indicava São José do Rio Preto – W. Luiz ...., porém teria que pegar a Bandeirantes nova e pelas dicas do Guga, pegaria a WLuis pela Anhanguera .... and now !?!?!?
 
Não que eu não confiasse no Guga, (hehhe) mas decidi seguir a placa via bandeirante nova ....
 
a preocupação começou ai .... a chuva aperta e a estrada vazia ....curvas em alta e Lost e eu sentando o dedo, curvas a 140km, adrenalina a mil ... claro, com fé em Deus, confiando no pneu traseiro zerado e na habilidade do piloto aqui .... hehehe
 
Ma beleza,,,,, as placas de WLuis e Limeira começam a aparecer e percebo que essa troca de caminho me fez perder a 1ª perna indicada pelo Guga e que eu estava nos fundo de Limeira, logo partirei pra 2º perna direto pra São Carlos, pelo que me lembrava daria aproximadamente 220 km pelas contas do Guga. Aí veio a pergunta, alguém avisou a Lost que teríamos que rodar 220 km direto ?!?! e a bendita autonomia ?!?!? hehhe
 
Com 180km rodados, avisto uma placa dizendo “posto de gasolina à 50 km” .... hehhe gelei e baixei a velocidade pra 120km ...hehhehe emoção garantida ....e o pensamento ....oooooooo por quê não ouvi o Guga !?!?!? hehhehe
 
Um pouco sem confiar na placa, paro num posto rodoviário e pergunto pro Gualda, “Qts kms pro próximo posto ?” Seu gualda: “Pra onde vc tá indo ?” Vinni: S. José. E pensei ....ehhehe vai pedir docs ...hehhe... Gualda: “vai rodar mais uns 20km e chega” ......fui .... hehehhe
 
Coisa boa dessa perna, de novo, dica do Guga, a serrinha de Corumbataí ....não é nenhuma Serra das Araras, mas no meio das retas intermináveis, essa curvas caíram bem... a filmagem dessa Serra na volta foi show !!!
 
 


8 de novembro de 2008, 01 hora e 11 minutos: Chegada na 1ª perna, São Carlos


 
Após 230,7 km rodados numa perna só, chega o posto de gasolina e após 5 minutos em transe de alongamento o frentista abastece. Well .... posto adesivado e rumo ao coffee break.
 
Consumo Lost nessa perna: 17,2 km/l
 
Desço da moto congelado, não de frio mas de limitação de movimentos pela armadura que tava, do jeito que desci deitei no “banco da praça”, aqueles bancos de madeira de lei ... e fiquei ....a fiquei .....e fiquei ......fiquei mais um pouco e levantei ...hehhe
 
Depois de uma reavaliada no cronograma by Guga, pensei ..se fiz uma perna 200km, posso fazer mais uma ..que era exatamente o que faltava pro destino.
 
Banheiro, lava a cara amassada, depois de 2 xícaras de café, um red bull e um rebite e mais algumas alongadas, exatamente as 2 horas e 5 minutos do dia 08 de novembro retorno em busca da estrada perfeita.
 
Lembrando, mais uma vez das dicas do Guga, “se prepara Vinni que a W.Luiz é uma reta sem fim !!!!”  Puta merda, fiquei imaginando, uma moto com piloto automático e eu assistindo um filme no ipod !!! cacete ...nada de curva, nada de nada .... é reta ...reta ...reta e tome reta !!!!!!!
 
Mas o melhor tava por vir, neblina ....catzo ..neblina ....caia numa baixada e vrummmmmm reduz de 140 pra 100km/h ....nunca havia me deparado com uma neblina assim ... show de bola .... porque a adrenalina começa a pipocar quando acelerava, chegava 110km/h e não enxergava 10 metros a frente ....hehhe adrenalina pura ,,,,hehehhe
 
De certa forma isso foi bom que me manteve acordado e ligado, vai que me aparece um fiat 147 na frente sem luz nenhuma .... hehehe. Depois de uns 130km rodados, depois de Catanduva, o sono pegou ..pegou pesado ... ..reduzi pra 80km/h e fui controlando o sono ;.;;até uns 20km antes de chegar ....
 
8 de novembro de 2008, 04 horas e 20 minutos: Chegada no destino, São José do Rio Preto (445,9 km de SP)
 
Após 215,2 km rodados na segunda perna, chego no posto da cidade e pego os beubados derrubando a saideira e olhando estarrecido pra mim, pra Lost e pro Jack...
 
Frentista veio puxar assunto e o mesmo blá blá blá de sempre
 
Consumo Lost nessa perna: 16,79 km/l
 
Enfim, viagem cansativa, com pitadas de emoção e adrenalina, a última perna estrada vazia vazia vazia ..reta vazia, vazia reta ... e eu e Lost e Jack cuidando da retarguada... uma dica ...alongamento é foda ... tem que ser feito entre uma perna e outra e não é só esticar as pernas não ;...é geral ... isso adianta um lado dukario ....


 
Distância ida: 445,9 km
Consumo Lost na ida: 17 km/l
Partida: 7/11/08 às 23:00hs
Chegada: 8/11/08 às 4:20hs
Tempo de viagem total: 5 horas e 20 minutos
Velocidade máxima: 140km/h
Média velocidade: 85,75 km/h
 


 
A ida ficou carente de fotos e vídeo em detrimento do clima ... heheh mas a volta foi melhor .....

VOLTA


 
9 de novembro de 2008, 10 horas e 10 minutos: Arrumando a mala



Depois de uma noite tranqüila regada a chopp, acordo, primeiro as 7:16 com um torpedo de pastel na feira (?) não entendo, mas compreendo que a noite foi bruta no WH.....hehhe...... as 10 da madrugada levanto pensando na volta pra Sampa. Confiro o tempo e São Pedro tira uma folga, já estava em 29 graus e subindo....

Ritual padrão e tudo pronto, só que dessa vez, só “armado” de tênis, calça jeans, camiseta rasgada SMC – IV ANO e colete, óculos de sol (HD) e capacete águia by shad. (NR: O equipamento HD foi presente...ehhehe)



Despedidas feitas, e vamos rumo a completar a comemoração o 5º ano SMC na estrada.



9 de novembro de 2008, 11 horas e 00 minutos: Partida, destino – São Paulo 435km de São José de Rio Preto


Abastecida básica no posto Esso na saída da cidade e percebo os incríveis 10,69km/l que ela fez rodando 32,1 km dentro de SJRio Preto, enfim ..vá saber ...

Pego a W. Luiz brilhando pra mim e como esqueci de mencionar no relato da ida, muitas muriçocas, bezouros e afins no caminho (Que o Forrest Guga Gump já havia me avisado), mas o mote realmente de viajar sozinho e encontrar seu eu interior.... Detalhe que não consegui carregar o ipod, então vim again ouvindo meus pensamentos e o escape aberto ...hehe

Lembram-se que os primeiros 200km até São Carlos eram de pura reta ?!?!? pois é ,,,,naquele sol, só me restava filmar e viajar nos pensamentos ... filmar tudo que via pela frente, dos lados, me filmar, filmar paisagens, filmar os vários tipos de caminhões que ultrapassava, enfim ...e apreciar a bela natureza na forma de morros, plantações e aves que cortavam o céu em um sinal claro de que nós fazemos parte da paisagem e não simplesmente a admiramos.

Com os cálculos na cabeça, já sabia que iria fazer a primeira perna em São Carlos, portanto era só confiar na qualidade da gasolina do posto esso de SJRio Preto, que conseguiria alcançar os 200km de autonomia e não deu outra, fui direto sem dó e sempre mantendo picos máximos de 140km/h.
 


9 de novembro de 2008, 12 hora e 46 minutos: Chegada na 1ª perna, São Carlos
 

Após 213,1 km rodados numa perna só, chego no posto de gasolina e recepção padrão.

Essa perna até o posto Castelão foi suave e bem menos cansativa do que a ida, os braços já vermelhos pelo sol, mas tava curtindo tudo demasiadamente .... hehhe

Consumo Lost nessa perna: 16,13 km/l

Após uma breve reavaliação, decidi cumprir essa última perna direto até Sampa, vamos ver no que ia dar ....

Café e algumas fotos tiradas, volto pro batente esperando a Serrinha de Corumbataí, seria o mais próximo de curvas que chegaria nessa trip. Serra chegou, foi filmada e passou .... hehhee rápida ....hehe



Eis que me deparo com a placa para pegar a Nova Bandeirantes, repetindo o caminho de ida, hehehhe agora fiz o que o Guga orientou ...hehhe fui pela Anhanguera, até porque a NewBand é o paraíso dos speedeiros e a polícia devia tá nos pedágios que nem urubu em carniça .... to fora !!! ainda mais sem carteira ... hehe

Anhanguera e Bandeirantes todos conhecem, muito movimento e radares .... cada pedágio passado uma preocupação dos homi me esperando ...hehhe somente no último pedágio tinha uma viatura, mas aí já tinha parado uma moto pequena e ainda cumprimentei na passagem .... heheh

Falar em viatura, em determinado momento da Anhanguera, vislumbro uma viatura da PR à frente, quase que instantaneamente ligo a câmera e filmo a ultrapassagem sobre os homi ....hehhee essa vai ficar pra história ....hehehe
 

9 de novembro de 2008, 15 horas e 11 minutos: Chegada no destino, São Paulo (421,1 km de SP)


Após 208 kms rodados na segunda perna, chego em Sampa são e salvo...

Consumo Lost nessa perna: 16,48 km/l

Recebo infos que o Buena Vista tava comemorando o chá de bebe do filho do Billy no bar da Lapa e me dirijo pra lá, cervejinha, risadas e uma chegada e cerveja gelada mais do que bem vinda ....

A volta teve fotos, algumas em anexo.

Os Vídeos estou editando pra jogar depois


 


Distância volta: 421,1 km

Consumo Lost na volta: 16,31 km/l

Partida: 9/11/08 às 11:00hs

Chegada: 9/11/08 às 15:11hs

Tempo de viagem total: 4 horas e 11 minutos

Velocidade máxima: 140km/h

Média velocidade: 102,46 km/h



Números Finais

Distância percorrida na estrada: 867 km

Consumo Lost: 16,66 km/l

Tempo de estrada: 9 horas e 31 minutos

Velocidade máxima: 140km/h

Média velocidade: 93,13 km/h







Vinni

Com Lost e Jack na estrada !!!

5 anos

Parabéns Jack, parabéns SMCs